Setembro 21, 2021
Do Passa Palavra
276 visualizações


Por   e n z o

Incapaz de entender
a ironia
e cedendo à pulsão
da tirania
contra o Abecê
da liberdade
tendo falsa noção
de igualdade
a esquerda exigiu
em seguida aplaudiu
a velha amiga

da ignorância e do arbítrio

e sem noção
ou, pior, com noção
comemorou a censura.

Nunca é tarde
para assumir os vacilos
e dar mais poder a gente preta
na Companhia das Letras!

E com isso a esquerda
atribui a gente preta
sua própria estupidez
e sua ignorância
e também a sua ânsia

de poder

sua falta de cultura
e ausência de ternura
para com os escritores
estes pobres pensadores
que prever não podiam
que melhor seria
um dia
e seria “progressista”
atacar a ironia
e com ela o pensamento
resta só o desalento
numa vida de tormento
e sem criatividade
e sem inventividade
que nos faça ver
com outros olhos
a verdade.

Vai morrendo a liberdade
o futuro de mudança
que por muito embalou
mas só quem não pensou
apenas
na viagem ascendente
de uma elite prepotente
representativa
supostamente
de quem pena impotente
na batalha
de todos contra todos
para cima
ou para o mesmo lugar
pobres tolos!

Isso é fake
muito fake.

Essa “esquerda”
coitada
dela ou de nós?
não percebe
ou, pior, percebe
que trocou
a cada um segundo suas necessidades
pelo homem lobo do homem
multicolorido, meu jovem!
e de todos os gêneros!

Onde cão come cão
sobra a desilusão
o terreno do fascismo
e do conservadorismo
revoltoso e odioso
da direita à esquerda
e de volta outra vez
proletário não tem vez
e não tem identidade
e nem vive à vontade
onde não há liberdade
de expressão
só ilusão.

Isso é fake
muito fake.

Mas a guerra não foi ganha
ainda
pelo menos.

A imagem de destaque é da autoria de Noah Buscher.




Fonte: Passapalavra.info