139 visualizações


Na terça-feira, 17 de Agosto, realizam-se em todo o país assembleias de trabalhadores dos correios para decidir a greve contra a proposta de privatização da empresa postal pública. Na quarta-feira,

18 de Agosto, vários sindicatos apelam aos trabalhadores dos serviços públicos para que façam greve contra a proposta de reforma constitucional que está a destruir os serviços públicos.

18 de Agosto é também um dia de protesto para exigir uma vacinação rápida para todos no país ; ajuda de emergência de pelo menos 600 reais, pois já ninguém suporta a fome e a miséria ; empregos garantidos e a manutenção dos direitos da classe trabalhadora ; bem como a defesa das liberdades democráticas.

Solidariedade internacional !




Fonte: Laboursolidarity.org