Março 27, 2021
Do Passa Palavra
333 visualizações


Caros leitores do Passa Palavra,

Nossa conta do Facebook acaba de ser repentinamente desativada pelos desenvolvedores do site, sob a acusação de não estarmos seguindo os “padrões da comunidade”.

Temos plena consciência de que trata-se, uma vez mais, de uma tentativa de cercear a divulgação de reflexões e lutas anticapitalistas nas redes sociais. O episódio marca a continuação de um ‘caça às bruxas’ a grupos que questionam o real estado de coisas com que vivemos, grupos esses que na maioria das vezes nada tem a ver com aquela militância fascista que investiu contra o Capitólio americano em janeiro deste ano. Aqueles sim tratam de usar as redes sociais para investir na política através do isolamento. Muito diferente do Passa Palavra, que aposta em relatos, notícias e debates públicos, sem que para isso tenhamos de publicizar os dados e demais informações de nossas fontes.

Mas o Facebook tem continuamente implementado novas formas de violação da privacidade de seus usuários, das quais tentamos nos desvencilhar também continuamente. Nesses termos, fica difícil ocupar um espaço nessa rede pelo Passa Palavra, a menos que deixemos de lado nossas preocupações com a segurança e forneçamos de bom grado nossos dados. Apesar disso, estamos nos mobilizando neste momento para restabelecer nossa conta, e prosseguiremos lutando pelo direito à privacidade nas redes.

A situação com que nos encontramos trata-se, pois, de mais um desafio, que não é apenas do Passa Palavra, mas de todos aqueles que buscam fazer das redes sociais um instrumento de luta contra a própria lógica das redes sociais e contra o capitalismo.

Cordialmente,
Coletivo Passa Palavra.




Fonte: Passapalavra.info