Agosto 24, 2021
Do Reporter Popular
197 visualizações


Por Repórter Popular- RS

No inicio da manhã desta terça (24), iniciou-se o bloqueio da BR-158 em Iraí (RS) por comunidades kaigang e apoiadores da região. A ação tem como pauta chamar a atenção para votação que estará acontecendo amanhã (25) no STF, do Marco Temporal, e soma-se a grande mobilização nacional que ocorre em Brasília (DF) do “Acampamento pela Vida”.

Fonte: Repórter Popular/RS. Comunidade Kaigang reunida no bloqueio da BR em Iraí (RS)

++ Leia mais: BR-448 é bloqueada em ação contra o Marco Temporal no RS ++

Amanhã (25) irá a julgamento a ação de reintegração de posse movida pelo governo de Santa Catarina contra a demarcação da Terra Indígena (TI) Ibirama-Laklãnõ, onde vivem comunidades Xokleng, Guarani e Kaingang, com base no Marco Temporal. Esse, julgamento terá status de “repercussão geral”, garantindo que a decisão servirá como diretriz para a gestão federal e todas as instâncias da Justiça no que diz respeito aos procedimentos demarcatórios no país.

A Tese do Marco Temporal (leia mais sobre o Marco Temporal aqui, aqui e aqui) é um ataque frontal aos direitos territoriais e à própria existência dos povos originários no Brasil, que resistem às políticas genocidas do colonizador há mais de 500 anos. Milhares de indígenas, de mais de cem povos de todas as regiões do país estão se deslocando a Brasília para mais uma semana de intensa mobilização, no Acampamento Luta pela Vida. A luta indígena é pela terra, pela vida, por todos nós.

Apóie e divulgue!




Fonte: Reporterpopular.com.br