Abril 28, 2022
Do Agencia De Noticias Anarquistas
176 visualizações

Por Mídia Sem Fronteiras
Os defensores das terras aborígenes na comunidade de Kanehsatake plantaram a bandeira da Confederação Haudenosaunee em terras em disputa para que o público soubesse que a terra será recuperada.
A ação ocorreu na manhã de 27 de abril em um terreno de 200 acres no meio de Kanehsatake, perto de Little Tree Gas. Esta terra tem sido objeto de controvérsia durante os últimos seis ou sete anos, especialmente desde que pelo menos um acre de mato foi cortado.
O terreno deveria ter sido vendido ao Conselho Mohawk de Kanehsatake (MCK), mas essa venda nunca ocorreu, e os membros da comunidade souberam que o terreno havia sido vendido a uma empresa privada: Vegibec Inc.
A colocação da bandeira e a presença de membros da comunidade é uma mensagem para o público de que a terra será recuperada. Por enquanto, os membros da comunidade estão monitorando a situação, mas um apelo à solidariedade externa poderá ser feito num futuro próximo.
Reportado por @NoBordersMedia, com base em informações de primeira mão de um membro da comunidade local no terreno. Veja o feed do Twitter para mais fotos.

Fonte: https://mtlcontreinfo.org/reclamation-territoriale-a-kanehsatake/

Tradução > Liberto

agência de notícias anarquistas-ana

tantos outonos
em uma paisagem
chuva nos pinheiros
Alice Ruiz



on Twitter


on Facebook


on Google+




Fonte: Noticiasanarquistas.noblogs.org