Abril 30, 2021
Do Agencia De Noticias Anarquistas
206 visualizações


Sábado, dia 1° de maio, às 19h00. Encontro digital com:

> Gabriel Menezes: Técnico em enfermagem da UPA Jabaquara

> Jully Vasconcelos: Coordenadora do CRESS Seccional Santos, participante do NELCA e CAFI

> Matia Aldane: Entregadora e participante do Despatronados

> Miquelina Veiga: Professora da de Língua Portuguesa da PMSP e participante do CCS

>> Canal do CCS no YouTube:

www.youtube.com/centrodeculturasocial

|| 1° de Maio | Memória || “Um dia de rebelião, não de descanso! Um dia não ordenado pelos vozeros arrogantes das instituições que tem aprisionado o mundo do trabalhador! Um dia em que o trabalhador faz suas próprias leis e tem o poder de executá-las! Tudo sem o consentimento nem aprovação dos que oprimem e governam. Um dia em que com tremenda força a unidade do exército dos trabalhadores se mobiliza contra os que hoje dominam o destino dos povos de toda nação. Um dia de protesto contra a opressão e a tirania, contra a ignorância e a guerra de todo tipo. Um dia para começar a desfrutar oito horas de trabalho, oito horas de descanso, oito horas para fazer o que nos dê vontade.

Essa era a convocatória do 1° de maio de 1886, dia em que 5.000 greves com 340.000 grevistas, se espalharam pelos Estados Unidos. Chicago foi palco de muita luta, repressão, mortes e injustiças.

agência de notícias anarquistas-ana

é quase noitinha
o céu entorna no poente
um copo de vinho

Humberto del Maestro




Fonte: Noticiasanarquistas.noblogs.org