Junho 23, 2021
Do Agencia De Noticias Anarquistas
357 visualizações


A novela biográfica “El ángel rojo” conta a história de Melchor Rodríguez García, delegado especial de prisões da II República espanhola. Sevilhano de nascimento, Melchor Rodríguez foi um anarquista que preferia “morrer pelas ideias, nunca matar por elas”, e que demonstrou grande humanidade na guerra civil espanhola, salvando a vida de numerosos inimigos. Enquanto no lado franquista se exacerbava a repressão, Melchor conseguia impor a ordem na retaguarda republicana, parando as saídas dos cárceres, os passeios e os fuzilamento. Nomeado depois conselheiro da Municipalidade de Madrid, lhe coube a triste tarefa de fazer entrega do consistório às tropas vencedoras no final de março de 1939. Condenado pelo novo regime, cumpriu cinco anos de uma condenação de vinte. Até o final de seus dias seguiu sendo libertário. No total, Melchor esteve 34 vezes no cárcere com a monarquia, a república e o franquismo. Seu enterro, em fevereiro de 1972, conseguiu unir duas Espanhas irreconciliáveis: anarquistas e membros do regime que ele havia salvado na guerra.

El ángel rojo

Melchor Rodríguez, el anarquista que salvó a sus enemigos

Alfonso Domingo

Editorial Renacimiento, Colección Espuela de plata ,128. Sevilla 2021

552 págs. Rústica 21×15 cm

ISBN 9788418153402

23,90 €

editorialrenacimiento.com

Conteúdo relacionado:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2015/11/11/espanha-um-anjo-anarquista-no-inferno-de-uma-madrid-em-guerra/

agência de notícias anarquistas-ana

é quase noitinha
o céu entorna no poente
um copo de vinho

Humberto del Maestro




Fonte: Noticiasanarquistas.noblogs.org