Abril 21, 2022
Do Agencia De Noticias Anarquistas
67 visualizações

O Tribunal Superior de Justiça das Astúrias ratificou ontem (17/04) a sentença de prisão para seis dos oito membros da Confederação Nacional do Trabalho (CNT) pelas escaramuças realizadas entre maio e agosto de 2017 aos proprietários da confeitaria La Suiza, na avenida Schulz. A sentença proferida no primeiro período pelo Tribunal Penal 1 de Gijón, chefiado pelo Juiz Lino Rubio Mayo, condenou as oito pessoas envolvidas a um total de 25,3 anos de prisão.

Cinco anos após os atos delitivos, a TSJA ratificou a condenação, mas absolveu dois dos envolvidos no caso dos delitos. A alta corte considera que os atos de protesto “não são cobertos nem pelo exercício da liberdade de expressão nem pela liberdade de associação”.

O sindicato já anunciou que recorrerá da decisão para a Suprema Corte. “Iremos tão longe quanto necessário para defender os direitos de nossos companheiros. A justiça está mais uma vez atacando o sindicalismo e a classe trabalhadora. É um ataque sem precedentes e não vamos parar até que se faça justiça”, explicam.

Fonte: https://www.elcomercio.es/gijon/ratifican-pena-prision-condenados-cnt-caso-suiza-20220418225706-nt.html

Tradução > Liberto

Conteúdos relacionados:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2021/07/12/espanha-manifestacao-em-gijon-em-apoio-aos-sindicalistas-condenados/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2021/07/08/espanha-o-estado-reprime-novamente-a-luta-anarco-sindical/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2021/07/01/espanha-fazer-sindicalismo-nao-pode-ser-um-delito/

agência de notícias anarquistas-ana

no canto da janela
nova linha do horizonte:
o fio da aranha.

Tânia Diniz



on Twitter


on Facebook


on Google+




Fonte: Noticiasanarquistas.noblogs.org