Dezembro 11, 2020
Do Agencia De Noticias Anarquistas
322 visualizações


Camaradas da Grécia e do exterior, em março de 2020 o Fundo de Solidariedade para Militantes Presos e Perseguidos lançou um apelo internacional para apoio financeiro. Durante um período de medidas de quarentena, evacuações de espaços públicos e a proibição geral de atividades públicas, o Fundo de Solidariedade não foi capaz de realizar as ações planejadas. Os concertos, festivais, feiras de livro anuais e eventos semelhantes que constituem a sua principal fonte de receita foram cancelados ou adiados. Enfrentamos Mais uma vez a possibilidade de termos que reduzir o apoio financeiro mensal de 25 presos políticos que o Fundo de Solidariedade vinha arrecadando. O dinheiro que reservamos foi suficiente para cobrir as despesas de um mês. Essas reduções de ajuda financeira estiveram presentes no passado. Além disso, também fomos desafiados a evitar o pior cenário, no qual teríamos que cortar completamente nosso apoio financeiro aos prisioneiros devido aos nossos recursos extremamente limitados.

Porém, contra este perigo iminente, e depois de nosso discurso ao povo em luta, recebemos uma resposta empoderadora, que prova mais uma vez na prática que a solidariedade é a nossa melhor arma. Dezenas de indivíduos e coletivos da Grécia e da Europa contataram o Fundo de Solidariedade para fornecer apoio material, moral e político aos presos políticos. Essa resposta deu ao fundo a chance de garantir as despesas exigidas para os prisioneiros durante o verão. Sem a ajuda desses indivíduos e coletivos, nesta época de dificuldade econômica generalizada, nossas atividades teriam sido canceladas há muito tempo. No entanto – questões financeiras à parte – o apoio contínuo ao Fundo de Solidariedade e aos presos políticos significa uma resposta importante e otimista ao ataque generalizado das forças do Estado e do Capital à base social, trabalhadores, imigrantes, presos e pessoas que participam das lutas sociais.

Durante o verão – e após o levantamento das medidas de quarentena- o Fundo de Solidariedade organizou várias feiras de livro, enquanto outras estruturas sociais, indivíduos e coletivos organizaram vários eventos cujos rendimentos foram doados ao Fundo. Dessa forma, o Fundo de Solidariedade conseguiu levantar recursos para apoiar os presos políticos até o final do ano. Mas a situação que enfrentamos mais uma vez parece tão desfavorável quanto na primavera. As medidas restritivas e a quarentena recentemente impostas colocaram o Fundo de Solidariedade mais uma vez em um impasse, impossibilitando-o de realizar suas atividades públicas e sediar os eventos planejados.

Por esse motivo, encontrar recursos para continuar apoiando os presos provavelmente será extremamente difícil mais uma vez. Diante de tal perspectiva de futuro, o Fundo de Solidariedade decidiu lançar um apelo para um apoio adicional às pessoas que já o fizeram e a todos os que estiveram ao nosso lado durante este tempo todo. Acreditamos que o referido apoio e ajuda demonstrados ao longo dos meses anteriores foram (para além do decisivo – ao nível da nossa própria existência e funcionamento – apoio financeiro) também a concretização de um constante objetivo nosso: poder estabelecer um contato ainda maior com grandes partes do movimento radical anarquista do qual somos apenas uma pequena parcela. Gostaríamos, por meio desta segunda chamada pública, expressar nosso desejo de que esse contato se transforme em um relacionamento mais estável e significativo. Acreditamos que essa necessidade não diz respeito apenas às questões financeiras que enfrentamos. A questão da sobrevivência e persistência do Fundo de Solidariedade, uma estrutura de solidariedade política prática, será outra pequena mas importante mensagem de resistência e unidade contra as forças violentas e coercivas da barbárie capitalista que deseja mostrar implacavelmente o quanto está nos pisoteando. Até a demolição total de cada uma das prisões, devemos apoiar materialmente, moralmente e politicamente os presos políticos.

Para o apoio financeiro do Fundo, bem como para as encomendas da nova agenda 2021 que acaba de ser divulgada, contacte o seguinte email: tameio@espiv.net

Fundo de Solidariedade para Militantes Presos e Perseguidos

Fonte: https://athens.indymedia.org/post/1608884/   

Tradução > A. Padalecki

Conteúdo relacionado:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2020/04/14/grecia-pedido-de-apoio-financeiro-para-o-fundo-de-solidariedade-para-presos-e-companheiros-perseguidos/

agência de notícias anarquistas-ana

Toma nota, rapaz:
Hai-kai é a captura
De um momento fugaz

Lubell




Fonte: Noticiasanarquistas.noblogs.org