Março 16, 2021
Do Agencia De Noticias Anarquistas
228 visualizações


Aconteceu neste sábado (13/03), em Patras, uma passeata muito massiva contra a repressão estatal e a barbárie, contra a gestão criminosa da pandemia pelo Estado, mas também contra as proibições e a restrição total das nossas liberdades.

O crescente autoritarismo estatal que se tem manifestado ultimamente, culminando nas prisões, acusações criminais e espancamento de pessoas em Nea Smyrni (bairro no subúrbio de Atenas), foi o estopim para convocar concentrações e passeatas anti-repressão por toda a Grécia.

A mobilização, convocada por uma série de organizações de esquerda, grupos e assembleias anarquistas, mas também por Associações de Estudantes de Patras, começou ao meio-dia com uma concentração na Praça Georgiou e continuou com uma passeata com mais de 2.000 pessoas por um extenso percurso no centro de Patras. Os dois blocos anarquistas juntos somavam cerca de 1.000 pessoas. A presença da polícia, embora numerosa, foi discreta seguindo o percurso por uma rua paralela, enquanto diversas forças de segurança se instalaram perto do Palácio da Justiça de Patras.

Ao longo da passeata, que teve um pulso forte, foram gritados slogans contra o autoritarismo e a repressão do Estado, contra as proibições, frases pela vida, saúde e liberdade, bem como a favor do grevista de fome Dimitris Koufontinas.

Conteúdos relacionados:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2021/03/12/grecia-milhares-de-pessoas-tomam-as-ruas-de-tessalonica-apos-policia-retirar-manifestantes-que-ocupavam-universidade/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2021/03/10/manifestacao-contra-violencia-policial-termina-em-confrontos-na-grecia/

agência de notícias anarquistas-ana

e um vaga-lume
lanterneiro que riscou
um psiu de luz

Guimarães Rosa




Fonte: Noticiasanarquistas.noblogs.org