413 visualizações


Neste sábado, 05/06, a manifestação não autorizada contra o despejo e demolição do Centro Social Okupado e Autogestionado “il Molino” e pela autogestão ocorreu sem grandes incidentes em Lugano. Quanto ao comparecimento, as autoridades quantificaram em mil participantes. Os organizadores, por outro lado, falaram de mais de 3.000 pessoas.

O protesto começou pouco depois das 14h00 na margem do lago em frente à fonte da Piazza Manzoni. Os manifestantes chegaram à área do antigo “il Molino” por volta das 17 horas. A atmosfera era de festa popular. Contudo, várias pichações foram feitas por grupos anarquistas em edifícios ao longo da rota. E a fachada de uma agência bancária foi destruída.

De acordo com a imprensa local, várias barreiras foram feitas nas principais estradas no início da tarde por forças policiais. Em particular, num posto de controle no eixo San Bernardino-Bellinzona, a polícia perguntava às pessoas se iam ou não à manifestação. Aqueles que responderam sim, após uma revista de veículo, tiveram que voltar.

Conteúdo relacionado:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2021/06/08/italia-desocupacao-e-demolicao-do-csoa-molino-em-lugano/

agência de notícias anarquistas-ana

Trovão —
Ontem a leste,
Hoje a oeste.

Kikaku




Fonte: Noticiasanarquistas.noblogs.org