Março 25, 2021
Do Passa Palavra
305 visualizações


Por Associação das Mulheres Munduruku Wakoborũn

Nós da Associação das Mulheres Munduruku Wakoborũn, Associação Da’uk, Associação Arikico, Movimento Munduruku Ipereg Ayu e CIMAT nos organizamos desde a nossa assembleia de resistência em dezembro de 2020 e alugamos um escritório coletivo para atender os caciques, cacicas, lideranças, guerreiras e guerreiros do nosso  povo.

Hoje, em manifestação do pequeno grupo de Munduruku favorável ao garimpo, junto com os demais bandidos pariwat invasores da nossa terra, queimaram nosso escritório – depredaram todos nosso documentos e equipamentos coletivos. Eles já vinham anunciando que iam fazer isso e o poder público local e os demais órgãos competentes nada fizeram para manter a nossa segurança.

Estamos gritando tem dias, pedindo para que as forças policiais ajam sobre esse grupo de criminosos que querem devastar nosso território e que ameaçam a nossa própria vida e integridade.

Exigimos que com urgência algo possa ser feito. Todos sabem quem são os envolvidos, denunciamos a todos os orgãos que deveriam estar colaborando com os povos indígenas.




Fonte: Passapalavra.info