Julho 6, 2021
Do ITHA-IATH
240 visualizações


Kauan W. dos Santos. “Verde e Preto: anarquistas e socialistas libertárias diante das questões ecológicas, ambientais e agrárias

Nesse artigo, Kauan W. dos Santos busca mostrar um balanço de ideias e experiências anarquistas diante das questões ecológica, ambientais e agrárias. Além disso, também mostra que, ao formular questões antidominações, não subjugando uma opressão à outra, o socialismo libertário e anarquistas podem apresentar os melhores métodos para pensarmos sociedades sustentáveis, ecológicas e socialistas. Nesse sentido, fala primeiramente das formulações de dois grandes teóricos que encabeçaram o contato do anarquismo e a ecologia – embora esse último termo não fosse utilizado – Piotr Kropotkin e Eliseé Reclus. Depois passa para como a experiência dos anarquistas entre camponeses e indígenas fez essa ideologia estar à frente entre seus concorrentes revolucionários nos debates da importância da questão agrária numa revolução e na construção do socialismo, o que fez parte dos anarquistas verem com maus olhos o industrialismo socialista também. Após isso, mostra alguns debates anarquistas após 1968, quando o ambientalismo e o movimento ecológico entraram à tona, assim como movimentos antiglobalização e de minorias étnicas que rebuscaram questões ambientais, agrárias e ecológicas em suas experiências. Após isso, conclui com um balanço sobre a importância de movimentos anarquistas de centros urbanos, sindicais e movimentos sociais imbricarem uma luta que envolva tais questões.

Esse texto foi publicado originalmente na Revista de Estudos Libertários, vol. 3, num. 8, 2021.

* Baixe o artigo completo aqui: Kauan W. dos Santos – “Verde e Preto”  




Fonte: Ithanarquista.wordpress.com