274 visualizações


(…) companheiras, apelo para vós, em nome do guturo da Humanidade, para que unidas nos lancemos na luta, procurando eliminar tudo quanto obstrua o caminho que há de conduzir-nos ao futuro ditoso, que tem sido o sonho mais doce da nossa vida.

Sim, unamo-nos e não deixemos que progrida esse novo morbus que se introduziu entre nós e teremos assim evitado que amanhã sejam nossas inimigas as que hoje são nossas irmãs.

Maria A Soares, A Lanterna, 08 de Outubro de 1914

Muitos temas do feminismo contemporâneo já eram assunto das mulheres anarquistas, que tinham uma atuação proeminente na Primeira República no Brasil, por exemplo. O nome de Maria Lacerda de Moura é o mais conhecido hoje em dia, porém ela não era única a falar de emancipação da mulher e educação, por exemplo.

Maria A. Soares também discorria sobre esses temas, além de serem operárias. Maria A. Soares pode ser Maria Antônia Soares ou Maria Angelina Soares, duas irmãs anarquistas que viveram na cidade de São Paulo nas primeiras décadas do século XX. Trabalhavam como costureiras, foram professoras e escreviam para jornais anarquistas. Elas tiveram uma proeminente atuação na cultura libertária daquele período. A feitura da publicação está sendo pensada em cada etapa e de forma aprofundada. Pesquisa, preparação de texto, estudo conceitual são algumas das ações. A edição da coleção são de Aline Ludmila e Fernanda Grigolin. Para o primeiro livro, as pesquisadoras Beatriz Silvério e Samanta Colhado Mendes estão conosco, bem como Beatriz Lacerda no conselho editorial.

Charlas y Luchas vai trazer para o papel histórias de escritos de mulheres que foram pensadoras de seu tempo, mulheres artesãs nos seus ofícios e trabalhos manuais, além de escritoras.

Charlas y Luchas foi uma série de 5 episódios que resgatou mulheres anarquistas e agora o projeto vai se tornar uma coleção de livros e o primeiro livro é sobre Maria A.Soares.

>> Assine o boletim para receber novidades:

https://www.tendadelivros.site/mariaasoares?mc_cid=7ed68dadd6&mc_eid=8caea939b8

>> Faça já seu apoio ao processo que já começou:

https://tendadelivros.org/loja/categoria-produto/charlas-y-luchas/?mc_cid=7ed68dadd6&mc_eid=8caea939b8

Tenda de Livros não é uma editora, é um projeto de produção, edição, pesquisa, tradução e circulação de publicações e livros. Cada etapa é pensada e estudada. Você quer um livro com a qualidade da Tenda de Livros, assim como foram os da Maria Lacerda de Moura e Sou Aquela Mulher: apoie e fique de olho nos próximos passos da coleção Charlas y Luchas. Declare publicamente seu amor à Tenda. A sobrevivência do projeto depende de apoio.

agência de notícias anarquistas-ana

Noite no jasmineiro.
Sobre o muro,
estrelas perfumadas.

Yeda Prates Bernis




Fonte: Noticiasanarquistas.noblogs.org