Julho 14, 2021
Do Agencia De Noticias Anarquistas
246 visualizações


No início desta semana, um grupo de ativistas organizou um protesto em frente à embaixada canadense, em Londres, para mostrar sua solidariedade com as lutas indígenas. Abaixo, a Freedom publica o comunicado do grupo.

 “Terra roubada! Sepulturas não marcadas! KKKanada tem que pagar!”

“Igreja e estado! O sangue está em suas mãos!”

Reunimo-nos para gritar contra uma embaixada e uma igreja, trazendo indignação, cartazes, música, slogans e denúncias. A embaixada pertence ao Canadá – logo acima da estrada de onde esse estado colonial encharcado de sangue foi legislado, no centro de Londres, Reino Unido. E a igreja era a Catedral de Westminster, a sede britânica da abusiva e pedófila Igreja Católica. Agimos pensando nos atos grandiosos e belos de desafio e revolta – contra o genocídio colonial, contra o esquecimento, contra a supremacia branca – que têm ocorrido nos últimos dias e semanas.

Uma igreja em chamas não pode substituir as vidas tiradas pela Igreja, Estado, capitalistas, colonizadores, desbravadores e cidadãos – mas parece iluminar o caminho para um mundo onde essas imposições assassinas são tão irrelevantes e sem sentido como já foram no território agora dominado pelo estado canadense. Nossa crença no poder desses ataques nos trouxe às ruas esta semana, E NOSSA DESCRENÇA AOS ENGANADORES E SUAS MENTIRAS !!!

Fonte: https://freedomnews.org.uk/2021/07/10/no-pride-in-genocide-solidarity-action-with-indigenous-struggles-in-so-called-canada/

Tradução > Billy Who

Conteúdos relacionados:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2021/07/01/canada-igrejas-catolicas-em-comunidades-indigenas-sao-incendiadas/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2021/06/08/canada-estatua-de-criador-de-escolas-indigenas-e-derrubada-em-toronto/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2021/06/01/mais-de-200-corpos-de-criancas-indigenas-sao-achados-em-escola-no-canada/

agência de notícias anarquistas-ana

A vasta noite
não é agora outra coisa
se não fragrância.

Jorge Luis Borges




Fonte: Noticiasanarquistas.noblogs.org